RECOMENDAÇÕES DE MANUTENÇÃO E CONSERVAÇÃO

O QUE É BOM PARA UM TURBOALIMENTADOR?

Geralmente, o turboalimentador é projetado para que dure tanto quanto o motor. Ele não exige uma manutenção ou conservação especial e a inspeção limita-se a algumas verificações periódicas. Para assegurar que a vida útil do turboalimentador corresponde à do motor, é preciso observar estritamente as seguintes instruções do fabricante do motor:

  • Intervalos de troca de óleo;
  • Manutenção do sistema de filtros de óleo;
  • Controle da pressão de óleo;
  • Limpeza do sistema de filtros de ar.

O QUE É RUIM PARA UM TURBOALIMENTADOR?

Cerca de 90 % de todos os problemas no turboalimentador são consequência do seguinte:

  • Penetração de corpos estranhos na turbina ou no compressor;
  • Impureza no óleo
  • Fornecimento inadequado de óleo (pressão do óleo/sistema de filtros)
  • Temperaturas elevadas dos gases de escape (sistema de ignição/sistema de injeção)

Esses problemas podem ser evitados pela manutenção regular. Na manutenção do sistema de filtros de ar, por exemplo, deve-se tomar cuidado para que nenhum material estranho entre no turboalimentador.

DIAGNÓSTICO DO PROBLEMA

Se o motor não funciona adequadamente, não se pode supor que o turboalimentador seja a causa do problema. Na maioria das vezes, turboalimentadores em plenas condições de funcionamento são substituídos, embora o problema não esteja ali, mas sim no motor.

Somente depois que todos esses pontos forem verificados é que devemos verificar se o turboalimentador apresenta problemas. Visto que seus componentes são fabricados em máquinas de alta precisão com limites mínimo de tolerância para que os rotores atinjam até 300.000 rpm, os turboalimentadores devem ser inspecionados apenas por especialistas qualificados.

Turbo

Logo-menor

INFORMAÇÕES CONTATO

  • BR-282, km 534, 66D
  • CEP 89810-800
  • Trevo - Chapecó - SC
  • (49) 3328-0078
  • contato@turbofoz.com.br

TURBO FOZ NO FACEBOOK

Mapa